Final de semana acabou comigo: E agora?

1150377_517751354986633_802182414_n

Pois é, exagerar na comida e na bebida é algo que todos nós já fizemos. Eu já fiz mil vezes, de vez em quando ainda faço e é assim. Então, não é problema nenhum cometer esses exageros. Não há mesmo. Afinal, o que estamos fazendo? R.E.E.D.U.C.A.Ç.ÃO alimentar.

Logo, estamos educando, de uma nova forma, nosso corpo e nossa mente quanto a nossa alimentação. Estamos aprendendo não só de novo, porém, aprendendo várias coisas novas. Afinal, a nossa cabeça até então NÃO era educada para entender que você consegue se satisfazer com um porção menor e que comer de 3 em 3 horas  não vai te fazer virar uma bola.

E o que acontece quando estamos em processo de aprendizagem? Erros! Erros acontecem em qualquer momento, mas é claro que quando estamos aprendendo algo novo, erramos com mais frequência.. E pensa comigo: quando você estava no colégio e errava algo tão óbvio ou tinha aquela certeza de que estava certo, mas estava totalmente errado, você ficava pensando fixamente nisso e de alguma forma, você não errava mais aquilo, pois a memória mesmo depois de dias (ou anos) estava ali na sua cabeça, né? Com reeducação alimentar é mais ou menos desse jeito.

Podemos até errar e cometer o mesmo “estilo” de erro – comer exageradamente, porém com certeza você vai ter mais consciência ao cometer e provavelmente, não vai cometer com coisas que não valeram tanto a pena no passado. Logo, exagerar no final de semana não é o fim do mundo (embora pareça)! O que você tem que fazer é assumir o erro, ter claro que para ele não acontecer novamente depende apenas de você e dar a volta por cima.

Como já falei, isso já aconteceu e acontece comigo, então, vou falar mais ou menos o que faço no “pós-exagero”:

  • Não faço detox, pois não sei fazer haha.
  • Não saio cortando tudo e vivendo a base de água e alface. Não vai ser me punindo que vou aprender sobre meu erro, pois para mim viver de líquido, cortar carbo e certas proteínas é punição. Então, eu tenho uma alimentação apenas BEM regrada na semana posterior.
  • Presto atenção na quantidade de água que bebo nos dias seguintes, pois normalmente quando jacamos, ingerimos mais sal/sódio.
  • Não saio da linha, faço exercício todo dia e foco no meu objetivo.

Porém, quando jacamos, vem logo o peso na consciência e o desânimo de continuar o processo de reeducação. Já dei milhões de dicas sobre isso no blog, mas não custa repetir:

  1. Mentalizo os motivos pelos quais me fizeram iniciar esse processo
  2. Vejo vídeos na internet (os da Petê Camargo são os melhores, de longe!)
  3. Vejo fotos antigas
  4. Visto roupas novas (e se ainda não tiver comprado, visto roupas que estão largas)
  5. Repito algumas coisas em voz alta como “eu consigo”, “a comida não me controla”, “eu sou superior” e etc.
  6. Danço para espantar a tristeza ihihihih (uma das coisas mais relaxantes que consigo fazer sozinha e sem sair de casa)

247048_523646157672890_830111178_nIndependente das minhas dicas, o importante nisso é você ter consciência de que você é humano, ou seja, erra, acerta, cai, levanta e a vida continua. Lembrar também que, como você, há muitas outras pessoas passando pelo mesmo, muitas conseguem seguir em frente, então, por que você também não conseguiria? Eu sempre tive claro na minha cabeça, se alguém conseguisse algo, eu poderia conseguir, bastava apenas de mim mesma. Retomando a escola/faculdade: é exatamente aquilo – se alguém consegue tirar 10 em uma prova que achei muito difícil.. foi porque eu que não estudei o suficiente, né?

O que precisamos fazer é remodelar nosso pensamento e isso é uma das chaves do sucesso. É sempre estar atenta e mudar nosso foco para vermos que algo que para nós pode ser o fim do mundo é apenas mais uma pedra em nosso caminho! #força

Mais posts relacionados a esse que sugiro a leitura:

ps: espero que tenha gostado, Clara 🙂

Beijos,

Anúncios

7 pensamentos sobre “Final de semana acabou comigo: E agora?

  1. Olha mais um post super relacionado a minha pessoa nesse exato momento huahuahua jaquei lindamente nesse final de semana. E acho que o corpo já esta me dando a punição hoje. Acordei, tomei meu café normalmente e estou focada a fazer uma semana linda pra não sentir os efeitos da jacada na balança…porém estou com uma fome surreal agora!!! Acho que fiquei mal acostumada nesses dois dias jacando que agora o corpo já está xiando e pedindo comida.
    Vi no tumblr uma vez uma frase que preciso coloca-la em pratica: “fim de semana fora da dieta? Não se esqueça que a segunda feira vai te cobrar”
    E é bem por aí mesmo…Agora estou tomando agua igual uma louca de sede/fome e me controlar durante o resto do dia!
    Amanha tudo estará melhor!
    Obrigada por mais um post lindo!

    bjss

    • Vou te falar que também sinto a assim, sabia? parece que o organismo continua pedindo par você comer mais e mais sempre!
      Essa frase que voce falou é tudo!!! E não só a segunda, né.. a terça, quarta, quinta e até a sexta te cobra.. eis que chega outro fds e voce fica nessa de jacar novamente ou nao 😦
      o bom é que água não engorda e podemos beber até nos afogar ahiahaiahaiahiaha
      e de nada pelo post :)!!!!! as vezes preciso escrever para entrar na minha cabeca tambem!
      beijos,

  2. Adorei!
    Isso realmente acontece com todos nós.
    Como seres humanos, é impossível não errarmos.
    Sempre que tenho um dia ou fds ruim, eu penso “Ok. fiz errado! Agora tenho que focar no meu objetivo e não vacilar mais”.
    Também não faço detox, não corto carboidratos, nada disso…
    Acredito que quanto mais nos punimos (com dietas muuuito restritas), mais tendenciosos a errar e a cair em tentação ficamos.
    Pra mim é assim: se estou numa dieta mto rígida, qdo como algo diferente, fora da dieta, tenho vontade de comer como se não houvesse amanhã, hehehe
    Pra mim o que funciona mesmo é o equilíbrio, pois até na refeição livre consigo me segurar melhor.
    Obrigada pela reflexão!
    Beijinhosss

    • para mim tem o mesmo efeito.. se falo para mim “eu nao vou comer porque não posso”, parece que solta dentro de mim uma ogra que vai lá pro mim e mete boca adentro para mostrar para outra “catherine” que quem manda na parada é ela hahaha e nao é nada proibido.. é tipo o anjo e demonio.. por isso, eu penso smepre “nao vou comer agora, mas em outro momento vou comer” e vou postergando..postergando…. postergando e quando vejo já até esqueci ou como quando estou mais “calma”.
      E é pelo equilibrio mesmo que vamos conseguir nos mudar, não é com exageros e nem restrições, como vc mesmo falou!
      de nada e fico muito feliz em ter te ajudado 🙂
      beijos

  3. Esse post caiu como uma luva! Sempre uma reflexão interessante… Estamos em reeducação, errar e aprender é parte do processo….depede apenas de nós!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s